PRÓXIMO DIA 13



Sexto sentido, insight, voz interior, feeling, toque divino, faro, intuição. Os nomes utilizados, para a capacidade mental de avaliar situações sem uma análise completa dos factos, são muitos. Mas de onde vem a intuição? A palavra deriva do latim intueri, que significa considerar, ver interiormente ou contemplar. Intuição é uma forma de conhecimento, que está dentro de todos nós, embora nem todas as pessoas a saibam utilizar.

Grandes cientistas, entre eles A. Einstein, considerado o maior intuitivo da história, enfatizaram o valor do potencial intuitivo. O psiquiatra Carl Jung dizia sobre o conhecimento intuitivo: “Cada um de nós tem a sabedoria e o conhecimento que necessita em seu próprio interior”.

Aprender a confiar na intuição é um grande desafio, pois é considerada, pelo senso comum, como um conhecimento de risco. “Pessoas com baixa auto-estima, por exemplo, têm mais dificuldade em acreditar na inteligência intuitiva em função de uma desconfiança em relação a tudo o que venha do seu interior”. Mas, é possível desenvolver a intuição através do desenvolvimento da autoconfiança, através de técnicas e da aquisição de uma postura mais reflexiva.

Sendo algo que nos ajuda a tomar decisões, este Workshop tem como objectivo reconhecer a sua validade e importância em cada situação, no dia-a-dia. Destina-se a todas as pessoas, que desejem melhorar o seu diálogo interno, a sua auto-estima e os seus relacionamentos interpessoais.

Formulário de Inscrição aqui.
[Cada Workshop inclui Documentação, Certificado de Participação e a oferta de um Gift Bag, da Yves Rocher].

CONVERSATION

0 comentários:

Enviar um comentário

Back
to top