PRINCÍPIO DA SEMANA #141


a·pre·çar- (a- + preço + -ar)- Discutir ou ajustar o preço de; Avaliar ou marcar o preço de; Ter apreço por. ≠ Desprezar, Menosprezar.

Respeito. Estima. Consideração que se sente por algo ou alguém. Este é o significado a evidenciar sobre o apreço. Das virtudes mais negligenciadas da nossa existência diária. Uma prática que deveria ser recorrente dado é a maior fonte de motivação que podemos dar a alguém. Saber reconhecer um gesto, uma atitude, um comportamento, agradecer, algo a alguém tem um efeito imediato, instantâneo e pode mudar totalmente um dia ou a vida de alguém.

Muito esquecido e sobreposto, na maior parte das vezes, pelas nossas certezas ou inseguranças, muitas vezes dá lugar ao que é exactamente o contrário, ou seja, criticar e julgar. Parece sempre o mais fácil e que nos está "mais à mão". Damos por garantido. Muitas coisas. Dos maiores erros que cometemos e a toda a hora. Coisas. Pessoas. Relações. Tudo aquilo que até podemos admitir que "não podemos viver sem" mas que achamos que vamos ter para sempre. Apreçar é algo que nem sequer pensamos que temos de fazer dado que é "normal" ter o que temos, seja o que for, porque até o merecemos. Verdade, se temos é porque, de alguma forma, merecemos, porque algo devemos ter feito para isso, mas isso não deveria, nem é, sinónimo de certo e garantido. Não significa que não tenhamos que demonstrar o nosso apreço, consideração e gratidão. O reconhecimento é "o princípio comum e mais profundo da natureza humana". A necessidade a fome, até, de reconhecimento é das principais diferenças que distinguem o nosso reino do reino animal.

O desejo de nos sentirmos reconhecidos leva-nos a querer fazer aquilo que consideramos ser o correcto e melhor. Esta é a necessidade que surge da nossa dedicação, do nosso empenho e da nossa entrega. Este "trio mágico" que nos leva ao apreço seja a nível profissional ou pessoal. O tal, trabalhar sempre por uma causa. Se o desejamos tanto porque nos esquecemos, tão facilmente, que "a pessoa ao lado" também sente exactamente o mesmo? Se pararmos de pensar sobre nós durante uns momentos, e começarmos a pensar nos pontos positivos de alguém esta até é uma tarefa bastante fácil. 

O apreço vem do coração logo é sincero e sem nenhum interesse. O apreço faz-nos ser genuínos na nossa apreciação e generosos nos nossos elogios. |Simples assim|. ➸

|Quantas vezes já apreçou hoje?|


Imagem © Direitos reservados

CONVERSATION

0 comentários:

Enviar um comentário

Back
to top