julho 31, 2015

Dos Bons Sítios para Comer em Lisboa- Adega Dantas

Bom e barato, os dois fantásticos b's como costumo dizer. Esta seria a minha primeira descrição da Adega Dantas. Um espaço que fica em pleno coração de Lisboa, a caminho do miradouro de Santa Catarina. Ao contrário do que possa inicialmente parecer por quem passa à porta da Adega Dantas, este não é daqueles restaurantes que vulgarmente classificamos como "para estrangeiros". É sim um espaço com uma decoração tipicamente lisboeta que aposta na cozinha tradicional portuguesa a preços (muito) acessíveis e que devido à sua localização assume-se como ponto de paragem para turistas, viajantes, assim como ponto de encontro para profissionais que trabalham pelo Chiado.
A simpatia com que somos recebidos é enorme assim como os pratos (cujo valor anda à volta dos 10€). Iguarias como filetes de polvo com arroz do mesmo, bacalhau à lagareiro com cinco meses de cura ou picanha do Uruguai, são apenas alguns dos exemplos do que por lá encontramos. A Adega Dantas é um restaurante que, na minha opinião, devido à sua versatilidade é uma boa opção para um jantar de grupo, como foi o caso daquele em que participei, assim como e devido ao seu ambiente tranquilo, para um almoço de negócios e/ou para um jantar mais romântico. 

Morada: Rua Marechal Saldanha, 15 (Lx).

julho 30, 2015

Vícios de Verão- As novas Gelatinas Alsa

São vários os benefícios da gelatina para a nossa saúde. Os mais conhecidos são o facto de fortalecer as unhas e o cabelo, dando-lhes mais brilho, crescimento e resistência. Mas a gelatina é também uma excelente fonte de hidratação para a pele, pois é rica em colagénio, que age de forma a travar o processo de flacidez natural própria do envelhecimento. Desde pequena que sou super fã de gelatina (de morango sobretudo). No Verão era muito rara a semana que não comia pelo menos uma tijela. Tive a oportunidade de experimentar as novas gelatinas da Alsa e tenho a dizer que são um excelente "upgrade" face às tradicionais.

Autênticos "pedaços de infância" e acabadas de chegar ao mercado, as novas Alsa, vêm cheias de fruta, tornando-se um snack delicioso, saudável e prático para comer a qualquer hora e para toda a família. Por não necessitarem de frio, são ideais para transportar e comer em qualquer lugar, a qualquer hora do dia. (Ideais para levar agora para a praia, também!).

Chegam-nos em três sabores- Morango, ananás e pêssego, encontram-se à venda, nos supermercados, na zona das gelatinas em pó e estão disponíveis em packs de quatro unidades. (Preço: 3,99€).

julho 28, 2015

Leitura: Um Momento Meu

É decididamente o livro certo para este próximo mês de Agosto. O título assim como a descrição são por demais apelativos. Sinopse:

"Amigos desde sempre, Lucas, Marcos, Mateus e João chegaram à casa dos 40, com tudo o que isso tem de bom e de menos bom, a maturidade e a experiência, mas também a insegurança em relação às indecisões a tomar para o futuro e a angústia quanto à aproximação dos 50.
...

Um momeno meu relata com genuinidade o passado e o presente de homens e mulheres nascidos nos anos 1960 que, a caminho do meio século de existência, ainda buscam para o seu futuro a felicidade plena ou, pelo menos, um equilibrio entre a rotina e momentos felizes. É o retrato de uma geração que irá trazer recordações e provocar sorrisos e lágrimas a todos aqueles que viveram a sua juventude nos anos 80."

À venda a partir do próximo dia 5 de Agosto.

julho 27, 2015

Princípio da Semana #52

fé·ri·as- Férias de Verão; Dias destinados ao descanso do trabalho; Lapso temporal de suspensão dos ofícios quer sejam eles da natureza que for; Disponibilidade de si próprio.

Uhmmm, férias. Das palavras mais doces e alegres do nosso dicionário. Palavra que automaticamente nos coloca um sorriso na cara e nos faz viajar, nem que seja mentalmente, para longe. As férias são sem dúvida, dos pontos mais altos de cada ano, nosso. Por norma, andamos praticamente um ano inteiro a contar os dias que faltam para lá chegar e quando acabam, após um período de aceitação, recomeçamos novamente a contagem. É normal que assim seja, pois é |tão| bom simplesmente "ir", não ter horários, não falar com quem não nos apetece, não fazer as mesmas coisas, não ter rotina |ou ter uma diferente|, não ter que trabalhar, não comprar o jornal ou revistas, não ver tv, desligarmo-nos do mundo, como se deixássemos de existir e como se não quísessemos saber do que se passa "lá fora". Como é |tão| bom nos sentirmos livres... Precisamos de sentir esta liberdade como do ar que respiramos.

Estes "dias destinados ao descanso do trabalho" possibilitam-nos isto e muito mais. Dão-nos oportunidade de experienciar toda esta liberdade e de estar 24 sob 24h com quem realmente gostamos. Sem pressas, sem horários ou tempo contado. Não quer dizer que ao longo do ano não o vamos fazendo mas nas férias temos a possibilidade de estar com as nossas pessoas sem interrupções forçadas. As férias são também um tal período, tão esperado, de encontros, são aquela altura em que nos podemos (re)encontrar com aqueles que estão longe. É um simples estar, viver, apreciar cada segundo. E, os bons momentos que vamos passar nestas férias irão ser transformados em grandes recordações que nos ajudam a seguir em frente, que nos motivam a continuar e principalmente nos ajudam a regressar e a encarar novamente o mundo e a nossa realidade.

Sejam 4, 8, 15 ou 30 dias estas pausas são essenciais para a nossa criatividade, rendimento, saúde e sobretudo para o nosso equilíbrio interior e esta é uma aprendizagem recente para mim. Sou apaixonada por tudo aquilo que faço e como tal sou daquelas pessoas, como há muitas por aí, que acha que os fins- de- semana |quando o são| são suficientes para descansar, ou que não tenho tempo para ter férias. A verdade é que tenho vindo a perceber que isso não é bem assim e por isso este ano, pela primeira vez em mais de 6 anos, vou fazer algo que vai ser uma verdadeira nova experiência. Para começar decidi e pegando na definição da palavra fazer uma total "suspensão dos ofícios" e como todos os anos, no Verão, gosto de fazer algo que nunca fiz, também por isso, estas férias, tenho um óptimo desafio pela frente- São 6 dias que terão que caber num saco de fim-de-semana, tudo incluído-roupa, sapatos, acessórios, |sou cada vez mais adepta do "travel light"|, um livro, (só um) e que nada tem a ver com trabalho, jornais e revistas zero e... | parte mais complicada, com praticamente zero acesso a internet no telefone... Uma vez por dia e em horário |muito| limitado. Aqui é que reside o verdadeiro desafio, mas como sou pessoa que precisa e muito de os ter este será sem dúvida um enorme para mim. Estar "off" é um verdadeiro luxo nos dias que correm, é verdade, mas é um luxo acessível e que todos precisamos.

"As férias são como uma caixa de surpresas, enorme e misteriosa, nelas nos esperam as experiências mais intensas e extraordinárias". R. Pardo

Imagem © Direitos reservados

julho 24, 2015

Passatempo BodyConcept

A BodyConcept dispensa apresentações. É 100% nacional, existe em Portugal há (já) 10 anos e é actualmente a maior rede nacional de clínicas de estética. Tem, na minha opinião, o enorme mérito de ter democratizado o mercado da estética tornando-a acessível a todas nós. Focada em tratamentos de perda de peso, celulite, gordura localizada entre outros de estética quer corporal quer facial, a BodyConcept possui um conceito inovador em que cada cliente é tratada de forma personalizada e única.

Os tratamentos, todos eles indicados para nos ajudar no combate a vários “probleminhas” incluindo a nossa inimiga número um (celulite) são vários desde radio-frequência, multicavitação, endomassagem, mesoterapia, etc. Para além dos vários tratamentos que dispõe de acordo com as necessidades particulares, cada clínica também tem um ginásio onde podemos fazer uma série de tratamentos, também eles com o objectivo de combater a flacidez, celulite, gordura localizada, de forma passiva, indolor e devo também acrescentar incisiva e prática. Pessoalmente sou fã da marca e actualmente frequento uma das suas clínicas e estou mais do que satisfeita. Há todo um cuidado quer com as marcações, quer com o acompanhamento dos tratamentos e claro a tão importante simpatia e cuidado na forma como observo que cada cliente é tratada.

Na BodyConcept tudo começa com uma Consulta onde após uma breve conversa e avaliação morfológica nos são aconselhados quais os tratamentos adequados ao nosso caso. Para além desta primeira abordagem e conselhos que nos são dados, a clínica ainda disponibiliza uma consulta de nutrição, com uma especialista na área, onde também aí nos é dado uma série de medidas assim como um plano alimentar para atingirmos os nossos objectivos o mais rapidamente possível e de forma saudável.

Como estamos no Verão, altura em que por excelência precisamos e devemos tratar do nosso corpo, em conjunto com a marca tenho para vos oferecer 3 conjuntos de: 2 tratamentos intensivos + 6 tratamentos de programa mensal para cada uma das 3 vencedoras.

Regras de Participação:

1- Clicar no "gosto" de ambas as páginas de Facebook: www.babiaunica.com e da BodyConcept;

2- Partilhar o passatempo no mural de Facebook;

3- Preencher este formulário até ao próximo dia 7 de Agosto. (As vencedoras serão encontradas através do sistema Random).




Notas:
- Oferta válida para novas clientes, nas clínicas aderentes (De Norte a Sul do país). As clínicas podem ser consultadas aqui.
- Podem participar as vezes que quiserem, desde que de todas as vezes preencham o formulário e partilhem o passatempo no v/mural de Facebook;

julho 22, 2015

5 Biquínis a 5€

Bíquinis



(Mesmo que não durem "uma vida", são sem dúvida óptimas compras nestes saldos).

julho 21, 2015

Dieta da Alcachofra

Estamos no Verão a altura por excelência para cuidarmos do nosso corpo. Para limpar o organismo e os excessos, a natureza oferece-nos uma solução simples e eficaz: A alcachofra. De tradicional planta divinatória e casamenteira (segundo costumes e tradições antigas) foi testada e provada como sendo uma eficaz destruidora de toxinas, aliada da saúde hepática e companheira de limpeza do organismo, depois de dias (ou noites) de festa e de autênticas "desgraças" gastronómicas. Assim esta maravilha que a natureza é agora indicada para iniciar um programa de controlo de peso e recuperar a boa forma. A alcachofra contribui para a destoxificação do organismo, para a manutenção da saúde hepática e dos níveis de lípidos no sangue.
Apresentada sob a forma de práticas ampolas, a Dieta da Alcachofra combina a toma de uma ampola de Alcachofra e Funcho (que contribui para normalizar as funções de eliminação do organismo e para o fluxo urinário) com uma ampola de Chá Verde que tem como objectivo o controlo do metabolismo dos lípidos, ajudando a estimular a degradação das gorduras. Com apenas uma toma diária é a solução ideal para acabar com os pesos na consciência antes de iniciar uma dieta ou sempre que há necessidade de nos sentirmos mais leve.

À venda em farmácias e parafarmácias (Preço medio): 22,5€

Imagens © Direitos reservados

julho 20, 2015

Princípio da Semana #51

mo·men·to- Espaço pequeníssimo (mas indeterminado) de tempo; Curta duração; Instante, hora, ocasião; Oportunidade; Circunstância; Situação; Presente, momento, agora, já.

A vida é nada mais nada menos que um conjunto de momentos, verdade indubitável. No nosso dia-a-dia, quando andamos a correr (muitas vezes literalmente) de um lado para o outro não nos apercebemos desta pura e simples verdade. Vivemos muitas vezes numa autêntica montanha-russa e numa correria contra o tempo e não paramos para viver o momento. "Faço depois", "mais tarde ligo", "já vou", "agora não", "já vejo", "já leio", "mais tarde respondo", pensamentos recorrentes que todos nós temos e que muitas vezes não são bem assim já que cada momento é único, irrepetível e não volta. "Se esperarmos pelo momento perfeito, o perfeito momento passa por nós"...

Pensamos muito no passado, no que poderíamos ter feito diferente, sonhamos com o dia de amanhã, com o futuro, portanto, e na maior parte das vezes não nos permitimos viver o momento. Não nos apercebemos que é aqui e agora que estamos, neste momento. Todos, quer bons quer maus, são igualmente importantes na nossa vida. A questão é como decidimos vivê-los. Há quem escolha focar-se nos maus e tendencialmente esses mesmos momentos irão se transformar em outros tantos negativos e há quem decida aprender com eles e focar-se nos positivos. Pertenço a esta última categoria. O focar-me sempre nos momentos bons e "esquecer" os maus. Para mim a felicidade nada mais é que isso mesmo. Aceitar com alguma inteligência o passado, com tudo o que isso implica interiormente, querer um futuro e sobretudo viver o agora, o presente, o momento da melhor maneira possível.

Sexta-Feira passada estava a ter uma conversa sobre isso mesmo. Como a vida são momentos e como os decidimos viver. O nunca sabermos o que vai acontecer, o saber lidar com o imprevisto, o bom e o mau. O Amigo que aparece sem esperarmos, o jantar que se torna num momento de pura vivência e amizade, a mensagem de carinho que recebemos sem estar à espera, o convite que nos chega, um presente, um sorriso que recebemos, um beijo, um abraço, uma surpresa, "a" surpresa" que achamos que estamos à espera a vida toda e que nunca vai chegar. Um banho de mar ao final do dia, o comentário inesperado e nos sai sem queremos e que se transforma num puro momento de alegria e gargalhada geral, o ser "devorado" por melgas e achar piada, a fartura não programada e que nos sabe pela vida, a música que ouvimos que nos faz pensar e sentir mil e um sentimentos, um cheiro que nos fica, o concerto a que vamos que nos provoca um sem número de sensações, o correr para abraçar quem não vemos há muito tempo e de quem sentimos falta, o escolher "aquela" peça de roupa que nos faz sentir poderosas(os), o suspirar, o sentir a brisa de um final de tarde na praia, o chorar de alegria, o deixar um bilhete a quem amamos, o passear com um Amigo(a) de duas ou quatro patas que nos faz sentir toda a paz do mundo. A vida é um somatório disto tudo e são infinitos os exemplos que poderia dar, assim como o é o poder que cada momento tem. A verdade é que um momento pode transformar a nossa vida para sempre. Um pensamento, uma palavra, um gesto, um minuto, um segundo.

"Pedes-me um momento 
Agarras as palavras
Escondes-te no tempo
Porque o tempo tem asas
Levas a cidade
Solta me o cabelo
Perdes-te comigo
Porque o mundo é o momento" in Momento- P. Abrunhosa.

Imagem © Direitos reservados

julho 17, 2015

Tendência: Sandálias Romanas

Já o tinham sido há uns anos atrás, (tenho umas há mais de 5 anos) e este Verão são uma tendência indiscutível. Particularmente sou fã das rasas, embora este modelo da Aldo seja, na minha opinião, "de perder a cabeça"... Com vários modelos, saltos, cores e formatos disponíveis o difícil é escolher apenas um par. Ao contrário do que possa parecer são bastante versáteis e óptimas para esta época de festivais (os modelos rasos, obviamente). São cómodas e ao mesmo tempo dão um ar de sofisticação a qualquer look, logo adequam-se a ambientes mais desportivos e também sofisticados.

À semelhança de muitas outras tendências pode levantar muitas questões na hora de as usar e não ficam bem a qualquer tipo de corpo e altura (sobretudo os modelos de salto alto). Perfeitas para usar com uns calções de ganga curtos, ou com vestidos compridos estilo hippie, com estampados de flores e/ou cores vivas. Para a noite são também uma óptima opção para quem, como eu, prefere o conforto aos saltos altos.

Imagens © Direitos reservados

julho 16, 2015

Style Inspiration

Romanas.Sem dúvida uma das grandes tendências este Verão.
Curtas, compridas? Nem umas nem outras?


Imagem © Direitos reservados

julho 15, 2015

"Ático" By NH Liberdade

O rooftop do NH Liberdade é dos meus locais de eleição e onde, de certa forma, já me sinto em casa. A vista é de tirar a respiração e este ano o espaço está ainda melhor, sendo, na minha opinião, um dos locais de paragem obrigatória para este Verão. Situado no último andar do Hotel, com uma vista 360º sobre Lisboa, este é o terraço ideal para um final de tarde entre amigos ou para uma simples paragem e momento de descontração. Um sítio onde apetece estar e ficar.
Para além da vista maravilhosa, este ano também podemos usufruir de uma lista de cocktails da autoria do bartender internacional Diego Cabrera (na imagem comigo) e de variados petiscos (deliciosos) com a assinatura da chef Victória Santos, ao mesmo tempo que damos um mergulho na piscina.
Todas as Sextas e até Setembro, pelas 18h30, o Ático recebe as Festas "Royal Summer Sessions" com Dj’s nacionais, dança e muita animação para um final de dia inesquecível! (Entrada através de guest list).

julho 14, 2015

Sugestão de Teatro- "Escrever, Falar"

"Dois homens encontram-se num espaço indefinido. Dialogam entre si, dialogam consigo próprios. Não são mais do que aquilo que fazem e dizem naquele momento concreto, não têm vidas para trás ou para a frente. Só existem ali, na peça. Usam imagens para dar sentido às palavras e não palavras que dão sentido a imagens (verdadeiras, falsas??). Usam-nas como se de uma partitura se tratasse, têm tempos, tons, pausas, interrupções, sobreposições. Quanto ao texto em si...Um texto não se explica, é a sua própria explicação".

De Jacinto Lucas Pires, com estreia marcada para amanhã e em cena até dia 26 deste mês. (De Quarta a Sábado às 21h30 e Domingo às 16h00). Mais informações: 916648204 ou teatrodosaloes@sapo.pt

Tenho 5 convites duplos para vos oferecer! Para se habilitarem a ganhar um deles, só têm que enviar um e-mail: (babiaunica@gmail.com) até ao próximo dia 21, com nome completo e e-mail para contacto. O sorteio será via random e os vencedores serão contactados no dia 22.

julho 13, 2015

Princípio da Semana #50

a·bun·dân·ci·a- Grande quantidade; Riqueza; Fartura; Tesouros; Abastamento; Cheia; Fluência; Imensidão; Enchente; Numerosidade.

Temos abundância se temos coisas que o nosso poder económico consegue comprar- roupas, sapatos, casas, carros, viagens, etc. Este é normalmente o pensamento ao qual associamos a palavra abundância. Avaliamos o nosso nível de abundância de acordo com o número de coisas que possuímos e esquecemo-nos do mais importante, ou seja, que claramente a abundância não vem de coisas materiais. Se assim fosse era simples, bastava construirmos uma vida cujo objectivo fosse ter uma enorme conta bancária para poder ter tudo aquilo que achamos que nos faz feliz. E todos sabemos que isto não é verdade. A abundância tem que ser sentida em nós e não de acordo com o que temos fora, mas com o que temos dentro. Cá dentro. 

A abundância nunca pode ser confundida com exagero, pois ela nunca é demais e há sempre espaço para mais, desde que sempre ligada a sentimentos, a afectos, ao Amor. A abundância não deve ser medida mas sim sentida e vivida em nós. E é mesmo muito simples. Basta-nos olhar à volta e percebermos que temos uma vida em abundância se temos pessoas à nossa volta, e não interessa o número, que gostam de nós. Pessoas para as quais somos tudo, pessoas para as quais somos importantes, pessoas que nos fazem sentir valorizadas, integradas, amadas. Pessoas das quais fazemos parte. Amigos, família, maridos, namorados, mulheres, namoradas, filhos. Todo este conjunto e multiplicidade de relações que vamos construindo ao longo da vida.

Apesar de sermos naturalmente desejosos de coisas materiais e apesar de todos precisarmos de sonhar com o que queremos, material ou não, devemos reconhecer o que temos no presente, não perder tempo a remoer o passado (o termo muitas vez é mesmo remoer), e nem pelo contrário viver o futuro, porque a verdade é que enquanto o fazemos, a vida, o presente, o hoje, passa por nós a 1000 à hora.

A abundância, o sentimento que provoca em nós e esta mentalidade de abundância tem de ser criada em nós e para isso há que estar disposto a dar. Quando damos o que temos em toda a plenitude vontade e prazer, estamos a dizer aos outros e a nós que que existe abundância e viver em abundância é isto. É acima de tudo vivermos cheios e rodeados de Amor. É este reconhecimento. A alegria, o bem-estar a energia, a prosperidade, tudo o que todos queremos para a nossa vida precisamos, e primeiro lugar, de o querer. Precisamos de ter até fome disso. Se ao contrário de lamentarmos o que não temos, de criticarmos o mundo, reconhecermos todas as coisas bonitas e maravilhosas até, que temos à nossa volta aí sim vivemos em abundância.

"Não o que temos, mas o que desfrutamos constitui nossa abundância".- John Petit-Senn

julho 08, 2015

"Ultra Colour 3D" da Avon

A maquilhagem 3D é a nova tendência que chegou para ajudar a realçar a beleza de muitas mulheres. Assim sendo a Avon tem para nós a sua mais recente inovação a nível de batons. O novo "Ultra Colour 3D". Mais informações e passatempo a decorrer, até ao próximo dia 15, na página de facebook.


#opoderdoultracolour3d

julho 07, 2015

Das Boas Iniciativas- “Fill Forever” by EPAL

“Leve a água da torneira consigo. Leve no preço. Leve no ambiente” é o desafio que a EPAL tem para nos lançar. A “Fill Forever” chega com uma gama de cores apropriada a gostos e tendências actuais. Elegante, discreta, sofisticada, inovadora e sobretudo reutilizável, reciclável, ecológica e ultra leve, a garrafa "Fill Forever" foi concebida para receber e transportar água da EPAL. O Objectivo desta campanha é sensibilizar a população para o consumo de água da torneira pois, para além de ter uma qualidade de excelência, constitui a opção mais barata, conveniente e amiga do ambiente.

Inspirada numa cascata de água, extremamente ergonómica e 100% nacional, esta garrafa foi concebida para facilitar o consumo da água da torneira. A garrafa que pesa somente 27.5g, é feita em material 100% reciclável e permite utilizar um processo de produção com um consumo de energia muito baixo.

Pode ser adquirida, a partir de hoje, na sede da EPAL, na Avenida da Liberdade, e também no Museu da Água, na Estação Elevatória a Vapor dos Barbadinhos, na Calçada dos Barbadinhos, por (apenas) 1,5€.

julho 06, 2015

Princípio da Semana #49

op·ti·mis·mo- Costume ou sistema de achar que tudo é ou resultará o melhor possível; Confiança no porvir; confiante, esperançado, esperançoso e positivo.

Tenho vindo a reparar numa maior ligação das marcas com princípios de vida positivos, nomeadamente esta nova campanha da Sumol que é, sem dúvida, um óptimo exemplo disso. De facto, "o optimismo sabe melhor" e depende sempre da nossa forma de pensar e de olhar para as coisas, principalmente para os problemas e obstáculos que nos vão aparecendo que às vezes são mais que muitos. É muito "fácil" ser pessimista é como se estivesse no nosso Adn e ser optimista pode ser a maior dificuldade da vida. Depende de inúmeros factores. 

Fazendo uma pequena análise a este novo ano, que já vai a mais de meio, diria que após 4 anos de uma grande nuvem de crise e consequente pessimismo, 2015 trouxe novos ventos e perspectivas. Digo mais, à semelhança da moda que todos os anos tem diferentes tendências sinto que ser optimista é uma tendência de pensamento para este ano. Há razões para isso. A título de um exemplo muito "light" em 2014 tivemos 256 dias de sol, que em 365 não é mesmo nada mau! Cada vez mais temos uma maior preocupação com o nosso Eu, com a nossa imagem também- Praticamos mais desporto, comemos melhor. Temos mais preocupações ambientais, somos mais solidários. Tudo sinais de melhorias e tudo fontes de optimismo para encarar o futuro.  

Temos muita fama de sermos pessimistas, cinzentos até, mas vendo bem e estatisticamente falando não somos assim tão diferentes dos restantes países, já que, segundo estudos, apenas 12% da população mundial é optimista. Ou seja, apenas 12 em cada 100 pessoas encaram com esperança o dia de amanhã. Estudos revelam que o optimismo está relacionado (também) com a idade. Curiosamente, ou não, quando somos mais jovens e pelo contrário, mais velhos, somos mais optimistas que as pessoas de meia-idade.

Precisamos (muito) de acreditar que tudo vai melhorar. Para isso, é muito importante cultivarmos o nosso sentido de humor, diria que é a principal arma contra o pessimismo. O humor leva-nos a relativizar o mau, a encará-lo de forma mais leve, diminui também o nosso medo, já que acima de tudo, ser optimista é um acto de coragem (em querer fazer parte dos tais 12%). Muito importante também (e nunca é demais relembrar) é rodearmo-nos de pessoas que nos fazem bem. Pessoas positivas, as tais que os trazem valor acrescentado. A má energia, o pessimismo é contagioso, mas o optimismo e sei por experiência própria, também é! Quando estamos com energia positiva, optimistas portanto, atraímos coisas e acontecimentos bons para nós. 

O Verão está aí para nos ajudar, pois todos sabemos que quando está sol naturalmente estamos mais felizes.
"Agir, eis a inteligência verdadeira. Serei o que quiser. Mas tenho que querer o que for". F. Pessoa

Imagem © Direitos reservados

julho 03, 2015

Festival do Silêncio

Já é sabido que Julho é o mês dos Festivais... de música. O que vos falo hoje e que começou ontem e decorre até ao próximo Domingo é um pouco diferente. Trata-se do Festival que celebra a palavra, esse bem tão preciso e tão pouco valorizado, pertecente a todos nós. O Festival que não é de Silêncio propriamente dito. é um convite à participação, transdisciplinaridade, inovação, experimentação e criação. Acontece no Cais do Sodré (eixo da Rua de São Paulo) e durante estes 4 dias oferece à cidade de Lisboa um conjunto de ofertas culturais que vão desde cinema, concertos, conversas, espectáculos, exposições, feiras, intervenções e workshops. Acontece na rua, nas montras, nas galerias, nos cafés, nos clubes, no museu, na praça. 

Como amante que sou de palavras, estava com bastante curiosidade de visitar e digo que vale muito a pena! O Festival Silêncio é a festa da palavra dita, escrita, pensada, encenada, cantada, musicada, filmada e ilustrada.

Imagem © Direitos reservados

julho 02, 2015

Sal.dos!

Os saldos já chegaram e é um facto que saber comprar nesta altura pode-se revelar uma tarefa quase épica! A oferta é mais muita, o apelo ao consumo ainda maior, mas por outro lado temos orçamentos cada vez mais limitados. Para que (apenas) compre o que realmente necessita, relembro, sempre, algumas dicas muito simples: 

- Antes de partir para as compras, anotar aquilo que realmente precisa;

Fazer um orçamento (pelo menos mental) daquilo que pode/deve gastar;

Atenção aos tamanhos! Não comprar roupa ou sapatos que sejam um número mais pequeno ou maior do que o que usamos só porque são autênticas pechinchas;

- Ter em atenção os preços que vamos pagar. Verificar se são realmente os preços correctos (já com o desconto). Por experiência própria isto nem sempre acontece!

Poderá também (e esta é uma excelente altura para isso), recorrer aos serviços de uma profissional da área.

julho 01, 2015

IOMA

A IOMA, marca premium de dermocosmética, chegou a Portugal. IOMA é a única marca que desenvolve um cuidado personalizado com uma fórmula específica para cada mulher. A gama "Ma Crème" consiste no primeiro cuidado de rosto único e totalmente personalizado. Após o diagnóstico especializado, que é feito através da tecnologia da máquina "IOMA Mirror" é possível obter uma análise cutânea completa e sofisticada, que avalia 7 parâmetros na nossa pele:

· Desidratação

· Rídulas

· Rugas

· Vermelhidão e microvascularização superficial

· Excesso de Sebo 

· Focos bacterianos 

· Machas de Pigmentação 
Após esta avaliação e respectivo diagnóstico é-nos aconselhado quais os cuidados que a nossa pele. Toda a experiência de conhecer a marca e fazer o teste também ela é única, já que do "IOMA Mirror" saí como um receituário para em seguida ser elaborado, à nossa frente, o nosso, que como o próprio nome indica "Ma Crème", que é composto por uma base activa (para dia e noite) e 8 frascos de Sérum. O "Ma Crème" disponibiliza 40.527 fórmulas possíveis e uma fórmula para cada mulher.
A marca encontra-se exclusivamente à venda nas Farmácias Holon.

Preço (Ma Creme): 145,95€
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Babi a Única © 2009-2017. All Rights Reserved | Powered by Blogger

Blog Design por The Zero Element