Rui Pedro

Uma dor que (felizmente) não conheço e espero nunca vir a conhecer. Uma Mãe (Filomena), cujo rosto lindíssimo, reflecte esta mesma dor, uma Mãe cuja coragem e determinação, é no mínimo admirável. Vi estas imagens esta semana e estremeci... As pausas desta Mãe, dizem tudo...

 Um vídeo que devia correr o Mundo, deste lado estou a fazer a minha parte.

CONVERSATION

0 comentários:

Enviar um comentário

Back
to top